Em tempos de iPhone 3G

26 09 2008

Por Helio Marques

Anúncios




Discovery Channel produz documentário sobre a Internet

7 09 2008

Quem é fã internet vai adorar esse projeto do Discovery Channel. O canal produziu um documentário fantástico falando sobre o impacto da internet no nosso dia-a-dia, contando um pouco como tudo começou até os dias de hoje. No vídeo, grandes personalidades que fizeram e fazem parte desse mundo dão seus depoimentos sobre a rede.

O bacana é que o documentário está disponível online pra quem quiser assistir. Num primeiro episódio de 40 minutos, a gente fica conhecendo um pouco sobre a famosa guerra dos navegadores que rolou no começo dos anos 90 quando a Netscape, com seu navegador, popularizou o uso da internet e a Microsoft, pra não ficar pra trás, começou a desenvolver o Internet Explorer. Imperdível. A primeira parte do documentário você pode ver aí embaixo.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Na TV, a programação é essa:
11/09 – 23:00 – A Guerra dos Navegadores
18/09 – 23:00 – A Pesquisa
25/09 – 23:00 – eBay e Amazon
05/10 – 23:00 – O Futuro digital

Se alguém não tiver conseguindo ver o vídeo pelo player aqui no blog, esse é o link direto.

Via Ginga Blah

Por Yasmin Medeiros





The Shining versão robô

3 09 2008

Sabe aquela clássica cena do filme “O Iluminado”? Aquela do corredor que já deu susto em muita gente (inclusive em mim). Pois então, resolveram refilmar, só que com robôs. O resultado ficou bem bacana. Assistam aí embaixo.

Fuçando o usuário que postou o vídeo no Youtube, descobri que eles também fizeram uma adaptação com robôs para homenagear o filme “Rocky”. Vamos esperar pra ver se essa galera vai lançar outros remakes legais.

Via Gizmodo Brasil
Por Yasmin Medeiros





Chic 2.0

24 06 2008

Todo mundo sabe o que são redes sociais, não é mesmo? Orkut, fotolog, etc. Tudo isso serve pra conectar você a outros amigos e expandir seu círculo social, digamos assim. Com a Web 2.0, além de grandes websites, o usuário passou a produzir conteúdo também e a internet passou a atingir públicos mais específicos.

Dentro desse contexto, hoje em dia é possível encontrar os mais diversos serviços para agrupar pessoas com objetivos distintos. Além de amontoar seus amigos no Orkut com o simples objetivo de trocar recados e fuçar a vida alheia, você pode tornar sua relação com a web muito mais produtiva. Como? Muito fácil. Com essas novas ferramentas que surgem o tempo todo. Você pode compartilhar o que ouve através do Last.fm, pode criar eventos e reunir pessoas fora do mundo virtual com o Meetup, pode conhecer parceiros de trabalho e procurar por vagas de emprego no Linkedin, enfim.

Um desses novos serviços se chama Chictopia.com e é voltado para o público fashion. A idéia é reunir usuários que são apaixonados por moda e fazê-los compartilhar seus interesses. Você se cadastra, preenche suas medidas, suas lojas e marcas preferidas e pode colocar fotos suas com diversas roupas e receber comentários. Você navega por diversos perfis e pode comentar em vários looks, além de descobrir marcas novas, sapatos diferentes, qualquer tipo de informação sobre moda de qualquer lugar do mundo.

Dos usuários karlascloset e s33z, respectivamente

O bacana do Chictopia.com e o que faz com que ele seja diferente de outros sites com a mesma proposta (StyleMob, ShareYourLook, MyStyleDiary) é que, recentemente, o site inaugurou seu blog oficial com dicas para seus usuários, preços de roupas e muitas e muitas referências. Um prato cheio para aficionados no assunto. O próprio blog do Chictopia.com define seu conceito com a seguinte frase: “a publication to help people look less ugly by offering dressing advice and style tips. because without style, everybody is ugly”. Então tá, né?

Por Yasmin Medeiros





Sobre o TinEye

27 05 2008

Você está na web e acha uma imagem legal pra usar numa situação qualquer. Porém, ela está com baixa resolução. Imediatamente você começa a procurar essa imagem em milhões de sites. Escreve e modifica tags, joga no Google. Nada. Não sei com vocês, mas comigo isso é muito comum.

E se você pudesse upar essa foto em um site e ele te apresentasse a mesma em resoluções diferentes, cores diferentes e até cropadas? Isso existe e se chama TinEye, o mais novo sistema de busca de imagens. Ainda em fase de testes, o TinEye aparece para propor ao usuário que não digite mais palavras-chave para encontrar o que precisa. Além de poder upar, você pode colar a URL da foto diretamente no site e ele te dá vários resultados dentro de um banco de, aproximadamente, 750 milhões de imagens espalhadas na web. No próximo mês, a ferramenta deve chegar ao número de 1 bilhão de imagens indexadas.

Para os usuários do Firefox, o TinEye disponibiliza um plugin que, apenas com um clique com o botão direito na foto, você é levado a outros resultados. Como o site ainda é beta, o cadastro não está aberto para qualquer pessoa. É preciso deixar o seu e-mail e esperar o convite. O meu não demorou a chegar, já estou fazendo os testes. Pra quem ficou curioso, deixo aqui um vídeo-tutorial do TinEye. Vale a pena dar uma olhada.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Por Yasmin Medeiros





Via Twitter

24 05 2008

“Clap clap” para apagar as luzes já é coisa do passado. Agora você pode fazer isso através do Twitter. Impossível? Claro que não. Um cara resolveu ligar o notebook dele a um sistema de automação doméstica na sua casa. Esse sistema, por sua vez, reconhece uma mensagem enviada por celular (bedroom light off/on) e executa o comando. Simples assim. Uma boa alternativa pra eliminar a famosa dúvida: “será que desliguei as luzes da sala?”

Não é a primeira vez que usam o Twitter pra controlar coisas que teoricamente são absurdas. Recentemente, um grupo americano criou um projeto chamado Botanicalls onde, inicialmente, as plantinhas avisam que precisam de água via telefone. O grupo acabou estendendo o projeto para o Twitter e a experiência fez sucesso na internet. A Karla inclusive falou sobre isso no seu blog. No site do Botanicalls eles até ensinam como criar sua própria estação de monitoramento botânico via internet. Essas e mais outras mil ferramentas criadas só provam o quanto o Twitter está popular, chegando ao número de 100 mil usuários só nos Estados Unidos.

Pra quem duvida que o cara conseguiu apagar as luzes do quarto via Twitter, dá uma checada no vídeo abaixo.

Por Yasmin Medeiros