Sextape.exe

29 04 2008

Toda celebridade que se preze precisa ter uma sextape. É tipo autopromoção, sabe? Pamela Anderson já teve uma, Paris Hilton não fez diferente, Britney Spears tem tanta foto sem calcinha que até dá pra fazer um curta. Até o Gene Simmons, que pra mim tava morto, mostrou que ainda é capaz de gerar uma polêmica ao fornicar uma loira, que por sinal nem parecia estar gostando da “experiência”.

Só que temos que admitir: essa indústria está ficando um pouco saturada, concordam? É tanta gente pagando peitinho, esquecendo a calcinha em casa (Hermione que o diga) que tudo acaba ficando muito chato. Então vamos variar e resgatar sextapes de gente morta?

Começou com a Marilyn Monroe, ícone sexy dos anos 50. O vídeo foi vendido pela bagatela de 1,5 milhões de dólares pra um empresário nova-iorquino! E deveria terminar continua com Jimi Hendrix. A produtora Vivid quer ganhar uma graninha em cima de um threesome que o guitarrista fez com duas morenas, através do lançamento de um DVD. Pra dizer que não é só isso, serão 45 minutos com uma retrospectiva da carreira de Hendrix, além de uma entrevista com duas mulheres que conheceram “muito bem” o músico. A pergunta que não quer calar: quem vai estar disposto a pagar US$ 39,95 por 11 minutos (sem áudio) de sexo, bandana e rock’n’roll? Bem, o jeito é esperar pela sextape do Heath Ledger.

Próximo, por favor!

Por Yasmin Medeiros

Anúncios