50 pôsteres mais legais do mundo (ou o nosso retorno ao blog)

14 10 2008

Olá queridos leitores do Lemon Juice, vocês ainda estão aí? Não, nós não desistimos do blog e temos boas justificativas para nosso sumiço. A verdade é que nem sempre dá para ser funcionário de jornal/agência e blogueiro em tempo integral. Além disso, estávamos ocupados tentando sobreviver ao Círio com muito açaí. Agora que o período turbulento passou e fizemos digestão, prometemos estar sempre por aqui.

Deixando o blábláblá de lado, saiu mais uma listinha do excelente Smashing Magazine. Lembra que publicamos há algum tempo atrás uma lista que os editores do site fizeram com as melhores capas de discos? Então, dessa vez a equipe elegeu 50 pôsteres de filmes mais legais do mundo. Eles levaram em consideração várias décadas de história do cinema, gêneros, cores e estilos diferentes. Todos os escolhidos estão nesse link. Pra quem curte cinema e design, vale a pena dar uma olhada.

Um beijo e estamos de volta!

Por Yasmin Medeiros

Anúncios




The Shining versão robô

3 09 2008

Sabe aquela clássica cena do filme “O Iluminado”? Aquela do corredor que já deu susto em muita gente (inclusive em mim). Pois então, resolveram refilmar, só que com robôs. O resultado ficou bem bacana. Assistam aí embaixo.

Fuçando o usuário que postou o vídeo no Youtube, descobri que eles também fizeram uma adaptação com robôs para homenagear o filme “Rocky”. Vamos esperar pra ver se essa galera vai lançar outros remakes legais.

Via Gizmodo Brasil
Por Yasmin Medeiros





Você é um cocô

30 08 2008

Ontem li uma matéria que, baseada em uma pesquisa.do Datafolha, dizia que o brasileiro prefere ver filme dublado (56%) ao legendado (37%) (Não me pergunte o que os 7% preferem). Apesar de não conseguir assistir filme dublado de jeito nenhum, e não conhecer ninguém que goste desse tipo de filme, não fiquei surpreso com a pesquisa. A toda-poderosa Fox inclusive já havia eliminado de sua programação no Brasil as séries legendadas, o que, todos sabem, causou vários manifestos. Abre parênteses, quem aí ainda acompanha séries pela TV?. Fecha parênteses.

Não vou ficar discutindo o nível da educação do brasileiro, nem o porquê dessa preferência por filmes dublados, mas se é pra dublar, dubla direito, rapá.

Helio Marques





Psicose na hora do banho

14 08 2008

Mesmo quem não é fã do Hitchcock conhece aquela clássica cena do chuveiro em que a personagem Marion é assassinada. Pois então, você pode recriar essa cena no seu próprio banheiro. Basta comprar esta singela cortina de banheiro.


Além de todo o visual… er… excêntrico, ela toca a trilha do filme, incluindo o grito final da personagem assassinada.
Outra opção um pouco mais simples é esta cortina também baseada no filme Psicose. Desta vez, o assassino é a própria “mãe” de Norman Bates.

Um incentivo a mais para você tomar banhos menos duradouros.

Vi no No Puedo Creer que no hayan inventado

Por Helio Marques





Por um pouco mais de Pof!, Crash!, Tum!

3 05 2008

Todo mundo, de alguma forma, já sabe algo sobre a nova produção da franquia Batman, o Cavaleiros das Trevas. Por aí, já pipocaram posters, ações com os personagens, campanhas de votação para Promotor Público de Gotham City, trailer, teaser trailer, ARGs em que fanáticos pelo filme (ou simplesmente desocupados) correm pela cidade atrás de pistas que vão levar a outras pistas, que levam a outras… bom, já deu pra entender.

Tudo muito bem feito, cheio de marketing, estratégia, integração com o público, mistério… blá, blá, blá. O responsável pelo marketing do filme deve estar rindo à toa em sua cadeira de marfim. “HA HA HA HA… nunca um filme foi tão envolvente e esperado meses antes da estréia.”, deve pensar ele. Ok, tudo isso tá muito legal, mas, fala a verdade, não bate um pouco de saudade de uma diversão um pouco mais… é… trash? Uma onomatopéia aqui, uma casca de banana ali, um Jack Nicholson que fosse! Eu, que acompanhava no SBT as reprises do antigo seriado do Batman, me sinto um pouco órfão de tudo isso. Macacos me mordam, onde foi parar a diversão simples e idiota?

Para relembrar esses áureos tempos, onde o Coringa era um carinha mais legal e não usava remédios para dormir, um vídeo do Batman de 1967. Vê se dá para imaginar isso nos dias de hoje, Batman e Coringa dividindo a mesma onda! Bons tempos.

Por Helio Marques